top of page

Os 7 benefícios dos jogos didáticos na aprendizagem de Ciências Naturais

Na jornada que é a educação, as Ciências Naturais compõem uma área fascinante onde os estudantes exploram os segredos do mundo ao seu redor. Incorporar a Aprendizagem Baseada em Jogos nessa disciplina não só é inovador, como também oferece uma série de benefícios.


Capa do artigo

Neste artigo, aprofundamos algumas das vantagens do uso de jogos educativos de Ciências Naturais, explorando como estes fazem uso do dinamismo inerente a esta disciplina.


Que vantagens trazem os jogos de Ciências Naturais?


1. Exploração interativa e simulações realistas

Na disciplina de Ciências, os jogos permitem que os alunos mergulhem num ambiente virtual, explorando ecossistemas, habitats e fenómenos naturais. Além do mais, este tipo de simulação realista leva o estudante a experienciar eventos naturais impossíveis de realizar na vida real e a compreender processos dinâmicos, como as alterações climáticas ou ciclos naturais.

Neste contexto, a aula de Ciências Naturais é um laboratório virtual onde alunos e professores podem ver a natureza “a acontecer”, o que proporciona uma compreensão mais completa e integrada.


2. Desenvolvimento da capacidade de observação e resolução de problemas

Jogos de Ciências Naturais incentivam os alunos a aprimorar habilidades de observação, identificação e análise. O ato de examinar virtualmente plantas, animais e processos naturais desenvolve nos estudantes uma base sólida para futuras investigações.

Por falar em análise, o facto de este tipo de jogo confrontar o aluno com desafios e problemas científicos contextualizados estimula neste a resolução de problemas no âmbito das Ciências Naturais, aliando o pensamento crítico à aprendizagem prática.


Captura de ecrã do jogo "Microscopia" do Módulo 6 de Ciências Naturais. Na imagem, uma simulação da vista ao microscópio.
Jogo: Microscopia | Módulo 6 de Ciências Naturais | Kendir Studios

3. Exploração da biodiversidade

A Aprendizagem Baseada em Jogos permite uma exploração da biodiversidade que nem sempre é possível dentro da sala de aula. Assim, os alunos podem entender a complexidade da natureza e a interconexão entre as espécies – interação esta que promove uma maior apreciação pela diversidade da vida na Terra. Tornar a aprendizagem numa exploração envolvente e prazerosa aumenta a motivação dos alunos no contexto da disciplina.


4. Independência e melhoria contínua

Já não é a primeira vez que abordamos as vantagens do feedback imediato em jogos educativos neste blogue. Esta variedade de benefícios continua válida quando aplicada à disciplina de Ciências.

O facto de os jogos oferecerem feedback imediato em relação às decisões dos alunos incentiva a melhoria contínua. O facto de o jogador corrigir imediatamente os seus erros no contexto do jogo promove uma abordagem sem medo aos desafios científicos, tornando a aprendizagem mais eficiente e independente. Estudos dizem que este fenómeno influencia a crença do aluno de que pode aprender sozinho e ter sucesso na disciplina.


Captura de ecrã do jogo "Corrida de uma Vida", do Módulo 4 de Ciências Naturais. Na imagem, simula-se o caminho de um espermatozoide no processo de reprodução humana
Jogo: Corrida de uma Vida | Módulo 4 de Ciências Naturais | Kendir Studios

5. Potencial para cultivar as Ciências Naturais em alunos mais novos

Tendo em conta que a Aprendizagem Baseada em Jogos é vista como uma abordagem interessante e atraente pelos alunos, crianças mais novas podem também beneficiar da mesma. Se os jogos forem desenhados tendo em conta a faixa etária, é possível cultivar um interesse pelas Ciências Naturais desde cedo.


6. Melhores resultados na aprendizagem

Os benefícios anteriormente mencionados culminam num só: uma aprendizagem melhorada, que se reflete nas conquistas académicas dos alunos. Do primeiro ao terceiro ciclo, são vários os estudos que comprovam uma retenção melhorada dos conhecimentos, quando é permitido aos alunos explorá-los através do ambiente virtual de um videojogo educativo.


7. Sozinho ou com colegas, os benefícios existem sempre!

Na Aprendizagem Baseada em Jogos, a colaboração entre estudantes é várias vezes destacada devido à sua capacidade de promover soft skills, como a liderança e o trabalho em equipa. Contudo, o jogador que explora sozinho também colhe benefícios relevantes.

No contexto das Ciências Naturais, estudos dizem que não existem grandes diferenças em termos de eficácia na aprendizagem entre os dois métodos. Contudo, algo é certo: quando o professor cria espaços para conciliar os dois métodos, os jogos educativos geram resultados significativamente melhores!


Em resumo, a aprendizagem baseada em jogos oferece uma abordagem dinâmica e envolvente para as aulas de Ciências Naturais. Ao explorar virtualmente o mundo natural, os estudantes não só absorvem conhecimento, mas também cultivam uma paixão duradoura pela exploração científica. Estas são as sementes do futuro científico, plantadas no solo fértil dos jogos educativos!


Fontes:

  1. Hussein, M. H., Ow, S. H., Cheong, L. S., Thong, M. K., & Ebrahim, N. A. (2019). Effects of digital game-based learning on elementary science learning: A systematic review. IEEE Access7, 62465-62478.

  2. Li, M. C., & Tsai, C. C. (2013). Game-based learning in science education: A review of relevant research. Journal of Science Education and Technology22, 877-898.

  3. Meluso, A., Zheng, M., Spires, H. A., & Lester, J. (2012). Enhancing 5th graders’ science content knowledge and self-efficacy through game-based learning. Computers & Education59(2), 497-504.

  4. Wang, M., & Zheng, X. (2021). Using game-based learning to support learning science: A study with middle school students. The Asia-Pacific Education Researcher30, 167-176.

10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page