Estudar e brincar em simultâneo – Possível e desejado!

É expectável que os professores e crianças tenham de recorrer a meios pouco ou nada interativos, como plataformas de acesso a manuais digitais e videoconferências, sem a existência de dinâmicas sociais, desafiadoras, ou sequer interessantes?

Durante este período atribulado das nossas vidas, em que a pandemia de COVID-19 levou a mudanças tão significativas nas nossas rotinas e hábitos, os estudantes foram particularmente afetados. Essenciais para proteger a sua saúde, os confinamentos geraram problemas na evolução dos alunos com aprendizagens essenciais a ficar para trás e problemas sociais, mentais e pessoais a emergir.

Em parte, podemos justificar estes problemas com a ausência de aulas presenciais. Porém, numa sociedade moderna, em que temos a capacidade de produção de meios interativos e visuais estimulantes, motivadores e divertidos, é expectável que os professores e crianças tenham de recorrer a meios pouco ou nada interativos, como plataformas de acesso a manuais digitais e videoconferências, sem a existência de dinâmicas sociais, desafiadoras, ou sequer interessantes?

Num mundo em que qualquer estudante tem acesso a todos estes mecanismos fora do ambiente educativo irá, naturalmente, sentir a sua falta enquanto estuda. Numa era em que existem jogos multijogador, em que é possível a interação com qualquer objeto e personagem, outros jogadores; é possível estabelecer equipas e participar em competições, comunicar através de texto, áudio ou até vídeo enquanto joga; obter feedback instantâneo das suas ações e interações. É expectável a motivação e interesse do aluno em estudar temas abstratos através de sistemas obsoletos?

Enquanto jogadores, todos os fundadores do projeto Kendir Studios conhecem em primeira mão o potencial que os jogos digitais 3D têm na educação! Em todos nós existe a motivação de transportar para a educação o melhor que os jogos têm para oferecer!


Interação

Qualquer sistema digital 3D pode ser construído de forma a permitir interação, tendo graus diferentes de acordo com a complexidade e objetivos que se pretende atingir. Não há limites. A interação entre jogador e ambiente é total e os resultados dessa interação são visíveis, imediatamente. A colocação de um sistema digital 3D nas mãos de um estudante permite-o estudar consequências das suas ações, as reações consequentes. Construir vulcões, pontes, rios e barragens, reparar motores, testar reações químicas e equações matemáticas, simular alterações climáticas são apenas alguns dos exemplos das possibilidades abertas de experiências que alunos dificilmente poderão obter de outra forma.


(Jogador interage com um sistema de construção de figuras geométricas)


Comunicação

Uma aprendizagem de sucesso é impossível sem a existência de comunicação de e para o aluno. Numa aprendizagem à distância, não podemos limitar essa interação a leitura de livros ou visualização de vídeos, caso contrário, como podemos assegurar que o aluno compreendeu a matéria adequadamente? Como garantir que não tem dúvidas e como assegurar uma aprendizagem fluída e sem interrupções desnecessárias?


Jogos são veículos particularmente interessantes exatamente pela possibilidade do jogador não só interagir com o sistema mas comunicar com este. É possível, mesmo em jogos com um só jogador questionar, obter esclarecimentos, ser informado do sucesso ou insucesso das suas ações, pontuação e como melhorar na próxima tentativa. Qualquer apoio à aprendizagem é possível, garantindo o acesso imediato à informação mais relevante. Em ambientes multijogador, o aluno tem opções adicionais de comunicar com o professor e colegas, competir e cooperar, criando novas dinâmicas sociais.


Desenvolvimento Pessoal

Das maiores limitações que alguns sistemas de apoio à aprendizagem à distância possuem é a incapacidade de providenciar apoio à evolução e desenvolvimento dos estudantes para lá do que é ensinado nos manuais e currículos oficiais. Porém, o trabalho de um professor não é apenas a transmissão de conhecimento, mas colaborar ativamente na construção de membros positivos e valiosos da sociedade. Isso implica um apoio significativo no desenvolvimento de competências como criatividade, trabalho de equipa, pensamento crítico, capacidade de análise, entre outras. Jogos de aventuras e com dinâmicas de interação entre jogador, ambiente e personagens que permitam observar e agir sobre consequências permitem transportar para o ensino à distância esse tipo de construção pessoal. Hoje em dia já se conhecem vários impactos positivos nas competências pessoais e sociais através de jogos.


E por último, mas mais importante, Diversão!

Um estudante com acesso a um sistema digital 3D que permita interação, uma comunicação eficaz e apoiar o seu desenvolvimento pessoal tem acesso a todas as ferramentas que necessita para o seu sucesso escolar e crescimento enquanto ser humano.

Mas um estudante com acesso a tal ferramenta E motivado, focado não só na sua aprendizagem mas divertido enquanto aprende é extremamente valioso! Torna-se possível a criação de ligações positivas, duradouras, com os momentos de aprendizagem. Tal situação não só melhora os resultados académicos, mas permite retenção a longo prazo dos conhecimentos através da formação de laços emocionais!



Os jogos desenvolvidos pela Kendir Studios!

Na Kendir Studios estamos a desenvolver este conceito e a transforma-lo realidade. Estamos a mudar a forma como os estudantes têm acesso a sistemas digitais 3D e a desenvolver jogos que são simultaneamente divertidos e com elevada capacidade educacionais.

Temos a visão de um futuro em que estes sistemas digitais permitem auxiliar completamente os estudantes na sua evolução, servindo também como ferramentas de apoio ao ensino presencial. A nossa missão é criar jogos digitais para auxiliar todas as aprendizagens de alunos de todas as idades.

O nosso primeiro jogo Liber Domus encontra-se em fase final de desenvolvimento da versão Beta, com conteúdos para matemática e ciências do 6º ano. Podem saber mais aqui e assinar a nossa newsletter para aceder a todos os desenvolvimentos.

12 visualizações0 comentário